Mater Natura e WWF-Brasil iniciam parceria em projeto de restauração ecológica

Compartilhe esse conteúdo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

28 de junho de 2021, notícia publicada pelo Mater Natura – Instituto de Estudos Ambientais.

Em 2019, o Mater Natura e o WWF-Brasil iniciaram uma parceria técnico-financeira para a construção do Plano de Restauração da Mata Atlântica na Ecorregião do Alto Paraná (Parque Nacional do Iguaçu – Parque Nacional de Ilha Grande) posteriormente estendido até o Parque Estadual das Várzeas do Rio Ivinhema no Mato Grosso do Sul.

Por meio desse projeto, ocorreu a realização de oficinas temáticas, a prospecção de 700 hectares para a restauração ecológica nas áreas escopo do Plano de Restauração e o envolvimento de mais de 150 pessoas. Em sua realização, o projeto teve o apoio da Rede Gestora do Corredor de Biodiversidade do Rio Paraná e do Pacto pela Restauração da Mata Atlântica, entre outros especialistas.

A atuação do Mater Natura na ecorregião do Alto Paraná ocorre há quase 20 anos. Ressalta-se que a atuação de nosso Instituto em conjunto com a Rede Gestora do Corredor de Biodiversidade do Rio Paraná, resultaram nos últimos dez anos em planejamento territorial, governança, restauração ecológica, entre outros trabalhos.

O WWF-Brasil também atua na região há quase 20 anos, tendo em 2003,  publicado o documento intitulado “Uma visão de biodiversidade da ecorregião florestas do alto Paraná – bioma mata atlântica: planejando a paisagem de conservação da biodiversidade e estabelecendo prioridades para ações de conservação”. Este documento foi resultado do esforço coletivo da equipe do WWF juntamente com várias outras instituições do Brasil, Paraguai e Argentina. A Visão de Biodiversidade é um documento norteador para o planejamento de ações de conservação da biodiversidade na ecorregião.

Destaca-se que em 2021 iniciou-se a Década da Restauração de Ecossistemas, declarada pela Organização das Nações Unidas (ONU). O que ressalta ainda mais a importância de trabalhos voltados para ações de conservação e restauração.

Em junho de 2021, como continuidade de trabalhos conjuntos na região, considerando a importância de ações prioritárias e como uma fase de implementação do Plano de Restauração, o WWF-Brasil e o Mater Natura, firmam uma nova parceria técnico-financeira para restauração ecológica de 60 hectares até o ano de 2024. Salienta-se que o WWF-Brasil assumiu o compromisso de restaurar ao menos 200 hectares na ecorregião.

Em breve, o Mater Natura e o WWF-Brasil realizarão um Webinar para apresentar os resultados do Plano de Restauração, bem como as áreas em que ocorrerá restauração nesta primeira fase.

Área prospectada no Plano de Restauração da Mata Atlântica.

 

 

 

Inscreva-se em nossa Newsletter

Receba mensalmente o nosso informativo.

Posts Relacionados

Mater Natura aprova seu centésimo projeto em edital da Petrobras Socioambiental

04 de outubro de 2021, notícia publicada pelo Mater Natura – Instituto de Estudos Ambientais. O primeiro projeto desenvolvido pelo Mater Natura foi a “Ecolista – Cadastro Nacional de Instituições Ambientalistas”, em 1992 (figura 1). Desenvolvido em parceria com o WWF-Brasil, ele resultou em uma publicação com a listagem de endereços e outros dados sobre mais

Conheça os projetos aprovados no edital Supergrupo Açungui, no âmbito do TCCE 01/2021

03 de outubro de 2021, notícia publicada pelo Mater Natura – Instituto de Estudos Ambientais. O Mater Natura e a Margem Mineração, em atendimento ao Termo de Compromisso de Compensação Espeleológica – TCCE nº 01/2021/ICMBio-CECAV, apresentam o resultado final do Edital de Chamada Pública para o financiamento de projetos para estudo e pesquisa sobre o patrimônio espeleológico

Rolar para cima