Confira as atividades de advocacy e governança do Mater Natura realizadas em junho

Compartilhe esse conteúdo

Separamos algumas atividades de políticas públicas que o Mater Natura realizou ao longo do mês de junho

No dia Nacional do Meio Ambiente, 05 de junho, nosso técnico associado, Peterson Leivas, representou o Mater Natura na cerimônia pública em que o governo do Paraná anunciou uma série de medidas focadas no setor. Entre elas, estão o lançamento de audiências públicas para a criação de uma Política Estadual de Biodiversidade, a reativação do Fórum Paranaense de Mudanças Climáticas e o firmamento de um pacto para proteção da Mata Atlântica.

Na ocasião, o governador do Paraná também assinou a Carta de Princípios do Programa de Monitoramento e Conservação de Grandes Mamíferos da Serra do Mar, para fortalecer os esforços existentes de conservação na região, e inaugurou o Projeto Arboreto, com a promoção de atividades educativas, de pesquisa e recreativas em quatro viveiros florestais do IAT no Estado. Os espaços serão instalados nos viveiros florestais do IAT em São José dos Pinhais, Engenheiro Beltrão, Ivaiporã e Jacarezinho.

I Oficina de Formação Integrada dos PPPEAs do PARNA Iguaçu e a APA de Guaratuba

Renata Garrett, técnica do Mater Natura, nos representou na I Oficina de Formação Integrada dos PPPEAs do Parque Nacional Iguaçu e da Área de Proteção Ambiental de Guaratuba, que ocorreu nos dias 12 e 13 de junho, em Foz do Iguaçu. O PPPEA diz respeito ao Projeto Político Pedagógico das Unidades de Conservação Federais mediados pela Educação Ambiental.

No dia 13 de junho, o presidente do Mater Natura, Paulo Pizzi, participou da 106 ª Reunião Ordinária do Conselho de Estadual do Meio Ambiente – CEMA, tendo por pontos de pauta principais a apresentação da Coordenação de Captação de Recursos da SEPL – Secretaria de Planejamento, sobre o Programa Paraná Eficiente, e deliberação sobre a minuta de Resolução CEMA que trata de limites do parâmetro Escherichia coli.

Em 15 de junho ocorreu a 4ª Reunião Ordinária do Comitê da Bacia Litorânea, em Paranaguá. O Mater Natura esteve representado pela técnica Anne Zugman, que ocupa uma das cadeiras de suplente da sociedade civil. Como principais resultados da reunião destaca-se a eleição e posse da nova mesa diretora e a formação da Câmara Técnica de Instrumentos de Gestão (CTINS).

Através da sua representante Renata Garrett, o Mater Natura também participou da Elaboração do Planejamento Estratégico do Plano de Uso Público da Floresta Nacional (FLONA) de Assungui. A Unidade de Conservação é gerenciada pelo ICMBio e faz parte do bioma Mata Atlântica e está localizada em Campo Largo (PR)!

Elaboração do Planejamento Estratégico do Plano de Uso Público da FLONA de Assungui

projeto Selva: Turismo Científico e Ciência Cidadã, realizado pelo Mater Natura, foi convidado pela Fundação Renova a apresentar sua experiência no Seminário de Ciência Cidadã da Bacia do Rio Doce, que aconteceu de 19 a 24 de junho em Governador Valadares – MG, com diversas ações itinerantes ao longo da bacia do Rio Doce. 
 

 

Anne Zugman e Anabel de Lima, técnicas associadas do Mater Natura no Seminário

Em cumprimento aos ditames do Código Civil Brasileiro e do estatuto do Mater Natura, realizamos nos dias 23 e 30 de junho, respectivamente, reuniões do Conselho Fiscal e Assembleia Geral de nossa OSCIP, tendo por pauta principal a apresentação e aprovação do Balanço Patrimonial do Exercício fiscal de 2022.

Presentes em reunião híbrida (presencial e online) da Assembleia Geral do Mater Natura

Inscreva-se em nossa Newsletter

Receba mensalmente o nosso informativo.

Posts Relacionados

Nossas ações

Lista de Espécies da Fauna Ameaçada no Paraná é atualizada com coordenação do Mater Natura

A Lista de Espécies da Fauna Ameaçada de Extinção do Paraná teve uma nova atualização anunciada na última quinta-feira (06/06) pelo Governo do Estado do Paraná, por meio do Decreto 6.040/2024. A atualização foi realizada pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável (Sedest), pelo Instituto Água e Terra (IAT) e pelo Mater Natura – Instituto de Estudos Ambientais e integra um esforço

Nossas ações

Confira nossas iniciativas de Políticas Públicas em maio

O mês de maio foi intenso em termos de participação do Mater Natura em reuniões de políticas públicas ambientais. Além dos eventos do Projeto Político Pedagógico Mediado Pela Educação Ambiental (PPPEA) de Guaratuba, destacamos as seguintes atividades: (1) No dia 07, o presidente do Mater Natura, Paulo Pizzi, e o técnico César Tavares participaram de reunião

Rolar para cima