Cultivando Esperança

Financiador: Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES)
Início: dezembro 2011
Término: dezembro 2016
Financiador: Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social - BNDES

Cultivando Esperança

Participação do Mater Natura no Projeto: Instituição proponente e executora

Financiador: Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social – BNDES

Parceiros: Instituto Ambiental do Paraná – IAP; Tractebel Energia; Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária – Incra

Equipe Executora: Coordenação: Pollyana Born Técnicos e Consultores: Flávio Bonilauri, Francisco Putini, Patrikk Martins, Laís Martinkoski, Antonio Luiz Zilli Gerência: Paulo Pizzi

Descrição: Com o nome de fantasia Cultivando Esperança, este projeto foi aprovado no edital da Iniciativa BNDES Mata Atlântica, com o objetivo de recuperar 95 hectares de mata ciliar em propriedades rurais familiares localizadas na APA da Serra da Esperança. As áreas de implantação do projeto foram as comunidades de Rio Pequeno (Inácio Martins – PR), a comunidade de Monte Alvão e o Assentamento Rosa (Guarapuava – PR). Para a realização do trabalho, foi realizada a capacitação de agricultores familiares nas comunidades para a produção e plantio de mudas de espécies nativas, além de outras técnicas de recuperação florestal, como o adensamento e proteção de nascentes e margens de cursos d’água. O projeto também incentivou atividades de adequação das propriedades rurais à legislação ambiental, com o apoio de outros parceiros e financiadores, além de promover discussões entre proprietários e órgãos ambientais sobre a adequação ambiental e sensibilização das comunidades sobre a importância dos serviços ambientais prestados pela mata ciliar e pela floresta preservada. https://youtu.be/MT-0UPrInDk?list=PLzyNnHbVdjWMdYoDyQHWxS2tAs0QkiVkO Confira o vídeo sobre o projeto
Scroll to Top